Famílias em São Paulo

Existem muitas famílias com sobrenomes Masiero e Maziero no interior do estado de São Paulo, mais precisamente na região entre Jundiaí e São Carlos, mas não disponho de maiores informações a respeito. Toda contribuição para esta página será bem-vinda. Alguns fragmentos de informação que consegui obter seguem abaixo:

132 famílias de imigrantes italianos, dentre os quais alguns Maziero, chegaram ao Brasil pelo vapor Santa Fé em 17/10/1891 no porto de Santos SP (Imigrantes Italianos).

Frederico (Francesco) Mazziero nasceu na Província de Padova em 1860 (faleceu em 19/07/1919), casou com Luigia Ferron (1867-27/01/1941). Chegaram ao Brasil em 15/06/1891 com os filhos Antonio Cesare, de 4 anos (n. 02/08/1887 Stanghella PD), e Amalia, de 7. Já no Brasil, ainda tiveram as filhas Clélia e Rosina. Antonio se casou com Adelina Nola, nascida na Província de Padova em 30/10/1889 e falecida em 17/08/1968, em São Paulo. Adelina era filha de Gabriele Nola e Angela Martini. O casamento foi em 18/02/1911, e dele advieram os filhos: Romulo, Linda, Clotilde, Iracema, Dante, Virgílio, Remo e João. Dante nasceu em 21/12/1916, casou com Carmem Garcia (nascida em 27/08/1917 em Botucatu-SP, filha de José Garcia e Augusta Garcia). Tiveram os filhos Danilo e Cleusa. Cleusa não casou e mora hoje em Embu das Artes, onde pinta quadros (é conhecida por seus quadros de natureza morta). Danilo casou com Helena Maria Martins Torres, filha de Ayres Martins Torres e Irene de Siqueira Martins Torres. Eles tiveram 3 filhas, Camila (eu), Cristina e Marcia, todos morando em São Paulo. A família se concentrou por muitos anos na região do Cambuci, Mooca e Ipiranga. Uma curiosidade: Guerino Nola, irmão de Adelina Nola, casou com Amabile Masiero, irmã de Antonio Masiero.

  • GIAN BATTISTA MASIERO - Veio da provincia de Rovigo com sua esposa MARIA FILOMENA TOSATI e seu filho ADAMO MASIERO, meu bisavô, nascido em Lendinara, Provincia de Rovigo. Aqui no Brasil seus nomes eram: BATISTA MAGIERO; MARIA TOSATI; JOÃO MAGIERO.
    • ANGELO MAGIERO - Nascido em Riberão Preto SP (avô)
    • MARIA PISSINATO MAGIERO - Nascida na região de Riberão Preto SP (avó)
      • ANGELO MAGIERO FILHO - Nascido em Bebedouro SP (pai)
      • APARECIDA FERMINO MAGIERO - Nascida em Dois Córregos SP (mãe)
        • OSMAIR MAGIERO - Nascido em Florai PR

Olá Carlos, meu nome é Vilson F Maziero, sou de Primavera SP. Sou Maziero também por parte de pai, meus avós são de ANDRADINA SP e meu bisavô veio da Itália. Conversei com minha avó a alguns dias e ela me passou os seguintes dados: Meu avô: o nome dele era PEDRO MAZIERO, filho de OLIVIO MAZIERO e ELIDA VERGILIO MAZIERO. Irmãos: Caetano Maziero, Adelino Maziero, Fegenia Maziero, Elvira Maziero, Degardina Maziero, Ernesto Maziero, Elidio Maziero.

Carlos, meu nome é Diogo Antonio Maziero, sou filho de Maziero, sou da região de Mato Grosso do Sul, o parentes meus mais próximos são da região de Tupã SP e Dois Córregos SP, não possuo nenhum contatos de parentes que tenham vindo de outros estados ou da Itália, achei seu trabalho na internet, por isto resolvi escrever.

Olá, Meu Nome é Wanderson Ermida Masiero, estou procurando uma pessoa e li no seu artigo sobre Genealogia da família MASIERO, procuro o meu Pai, um senhor chamado Luiz Wagner Masiero, ou a sua Mãe, Letícia Parente Masiero, dos quais nunca tive contato. Qualquer ajuda é válida.

Boa noite, ao pesquisar sobre meu sobrenome encontrei informações sobre a árvore genealógica de nossa família e encontrei tambem seu email e gostaria de me corresponder com você para descobrirmos mais sobre nossa descendência. Aqui na nossa região existem mais ou menos 3 ramos de imigrantes italianos (Araraquara,Mococa e São José do Rio Pardo) que posso tentar me comunicar, mas pelas informações fornecidas pelo meu avô e pelo meu pai (ambos falecidos), meu nono veio no navio com 11 irmãos e que não se comunicaram nunca mais.

Sou um dos descentendes da familia MAZZIERO do interior de SP, temos vários dados que meu avô SANTO JOÃO BATISTA MAZZIERO nos deixou por escrito, se for de seu interesse por favor me informe. Meu nome é Debrair Aristeu Izique Júnior, resido em São José do Rio Preto SP, sou filho de Walderez Therezinha MAZZIERO Izique.

Eu sou descendente de Maziero e a maioria da minha família mora no interior do estado de São Paulo na cidade de Bilac a 15' de Araçatuba. Não sei se vc já ouviu falar nestas cidades. Também sempre achei que eu era de uma família pequena, mas depois de um domingo que apareceu no globo rural um maziero em SC produtor de vinho, mudei meu conceito. Gostaria de saber mais sobre nossa história e manter contato já que estamos espalhados pelo brasil.

Não sei qual é a relação: minha bisavô, THEREZA MAZIERO,casada com SANTO GIBIN, mãe de minha avó (maravilhosa) LUCIA GIBIN, moravam em Araras - SP em 1903 - este foi o ano que minha avó nasceu. Na certidão de nascimento de minha avó consta que o meu bisavô SANTO GIBIN é de Veneza e a minha bisavô Thereza Maziero e de Padova - na Italia.

Eu li a sua história da família Maziero/Masiero, também sou Maziero, mas meus parentes eram de Salzano, próximo a Mestre e estamos vivendo em Ribeirão Pires, São Paulo. Gostaria de manter mais contatos, para podemos aumentar sua relação na árvore genealógica.

Olá eu sou Masiero por parte de mãe e encontrei no seu site. Esta família que pertenço Veio para Botucatu, São Manoel, e ultimo Cambará Pr. e agora em muitas outras cidades, talvez você não encontra em lista porque e materno.

Somos da família Mazziero oriunda de Stanghella, Padova. Moramos em São Paulo e nossa filha está no Veneto a procura de informações sobre a árvore da família. Em sua pesquisa na internet encontrou em um site uma citação à família Mazziero, formulada pelo Sr. Alvaro Airton Santin que fornece inclusive seu endereço em São Paulo. No entanto não conseguimos localizar seu telefone ou outro meio de contato. Faria essa pessoa parte de seu grupo familiar?

Traçando fatos com meu irmão que tem uma vasta documentação sobre os nossos antepassados descobrimos traços através da listagem dos nomes com o que temos e pretendemos confirmar, sejam os 61 nomes que aparecem no HISP - Matrícula de imigração 08 com data de chegada em Santos no dia 04/02/1888, sejam os 5 primos que meu pai nos falava com todos os familiares, portanto todos meus parentes. Gostaria de saber como conseguiu as informações?? Através da internet ou por outro meio, sabemos que não é muito fácil ter acesso diretamente aos livros, moramos em Ribeirão Pires - SP, cerca de mais ou menos 30 Km da Mooca, onde se encontra a Hospedaria dos Imigrantes de SP atual Museu da imigração. Meus bisavós são Girolamo Maziero e Francesca, como você detalhor pessoa por pessoa talvez tenha mais informações que possam nos ajudar na ligação da nossa árvore genealógica. Gostariamos de saber se você tem ligações com mais Mazieros, pois temos dois tios avós que simplesmente sumiram, não temos notícias de nenhum decendente. São meus tios avós Pietro Maziero casado com Regina Maziero e Sebastiano Maziero casado com Carolina Toniolo Maziero.

Meu livro foi lançado no Memorial do Imigrante, em São Paulo, local onde resido, sem a finalidade comercial, apenas para fins de registro. Minha surpresa está sendo grande, devido ao interesse pelo livro. Já foi comercializado quase 600 exemplares e achei que não passariam de 100, uma vez que se refere a história de uma familia, igual a tantas outras. Os Maziero (Masiero, Mazieiro,e outros) são muitos em São Paulo. A minha descendência é proveniente do Vêneto-Padova, mais precisamente: Borgoricco (distrito de Padova) e Salzano (imediações de Veneza)e aqui desembarcaram em 1879: Luigi Masiero e Pierina Amalia Bressan. Nosso Maziero é originário na Itália com “s” e aqui adquiriu o “Z”. Tenho muitas outras informações enfim.